Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

happyness is everywhere

O Povo português é essencialmente cosmopolita. Nunca um verdadeiro Português foi português: foi sempre tudo. FP

happyness is everywhere

O Povo português é essencialmente cosmopolita. Nunca um verdadeiro Português foi português: foi sempre tudo. FP

12. Coisas do dia

De ontem.

Ontem depois de ter dormido hora e meia, fui para Milão para apanhar o avião para casa.

Passei a Vasco da Gama e entrei na A2 em Pinhal Novo. Ao chegar à portagem, vi que as da direita estavam mais descongestionadas, olhei para o retrovisor a ver se podia desviar a trajectória e dirigi-me para lá. Tenho identificador, mas quando viajo a trabalho, retiro-o e pago a portagem para poder ser ressarcida do valor.

 

Quando entro no corredor, vi uma coisa no chão vermelha, mas não liguei. Encostei o carro ao "coiso" da portagem, obtive o talão da portagem e segui viagem.

 E foi aí que reparei que o que estava no chão e que me obrigava a contornar para não o pisar, era a barreira do lado que estava dobrada ao contrário e tinha caído para o meu lado. Mas que raio? Engato, começo suavemente a andar, evito a barreira vermelha e aumento a velocidade.


E é aqui que reparo num carro cinza de grande potência que estava estacionado à direita logo após a portagem. Porta aberta, senhor ao volante ao telefone. E para-brisas todo esmifrado!

 

Basicamente, o rapaz não tinha um lamborghini e a cancela não era de madeira. Topam?  

 

 

16 comentários

Comentar post