Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

happyness is everywhere

O Povo português é essencialmente cosmopolita. Nunca um verdadeiro Português foi português: foi sempre tudo. FP

happyness is everywhere

O Povo português é essencialmente cosmopolita. Nunca um verdadeiro Português foi português: foi sempre tudo. FP

2:22 Hora Fatídica

599036.jpg

 Não havia muita escolha ontem no cinema. Uns já tinha visto, outros não era o meu estilo, e uma boa percentagem era infantil e eu ontem não me sentia nessa onda.

Então por exclusão de partes, fui ver este filme. Tinha lido a sinopse e pareceu-me mais um filme daqueles como o da marmota, lembram-se? Do dia da marmota over and over again?

 

Mas afinal, tinha umas diferenças, o dia não se repete. O que se repete são padrões em que o protagonista é exímio em detectar.

Gostei muito da primeira parte do filme, onde se mostra o que acontece numa torre de controlo aéreo. Ele é controlador aéreo e depois de um quase-acidente numa pista, percebe que os padrões que normalmente vê, se estão a interceptar, levando-o invariavelmente à Grand Central Station às 2:22 pm.

 

Depois há uma série de acontecimentos que culminam num grande filnal.

Não é um filme extraordinário, mas é bem interessante e temos de estar atentos para conseguir acompanhar. E destes filmes, eu gosto.

Portanto, é um filme de verão, digamos - leve e bem disposto, onde sabemos que "tudo vai acabar bem".

12 comentários

Comentar post