Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

happyness is everywhere

O Povo português é essencialmente cosmopolita. Nunca um verdadeiro Português foi português: foi sempre tudo. FP

happyness is everywhere

O Povo português é essencialmente cosmopolita. Nunca um verdadeiro Português foi português: foi sempre tudo. FP

Rascunhos

Espreitei a minha pasta de rascunhos e tenho lá 52 rascunhos. Não faço ideia se é muito ou pouco em comparação com as vossas próprias pastas. Para mim, parece uma imensidão.

 

São textos começados que depois devido a acontecimentos públicos deixaram de ter importância, ou textos que escrevi, mas que ficaram sem graça e aguardam até que uma nova inspiração lhes dê um novo alinhamento. Ou pequenos apontamentos para desenvolver, ideias que quero deixar amadurecer para ver o que é sensato definir. Enfim, há lá de tudo um pouco.

 

Se é um salva-vidas? Também. Naqueles dias em que a inspiração e/ou a vontade não estão cooperantes, percorro aquela pasta e há sempre um que me parece adequado à altura. E que me salva.

 

E como gerem os rascunhos aí desse lado? 

22 comentários

Comentar post