Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

happyness is everywhere

O Povo português é essencialmente cosmopolita. Nunca um verdadeiro Português foi português: foi sempre tudo. FP

happyness is everywhere

O Povo português é essencialmente cosmopolita. Nunca um verdadeiro Português foi português: foi sempre tudo. FP

Wonder - o filme

8423_medio.jpg

Este filme é exactamente como o título: encantador.

Para começar, tem actores fenomenais. Julia Roberts, Owen Wilson, Jacob Tremblay Izabela Vidovic e um Noah Jupe tão mas tão expressivo (e que também entra em Suburbicon)!

 

A história é simples e está por aí espalhada: um menino, o Auggie, que nasceu com uma deformidade facial já sujeito a uma quase trintena de operações faciais e que, por esse motivo, teve até ao 5º ano, aulas em casa com a sua mãe. Mas no 5º ano ela resolve que está na hora de ele começar a enfrentar o mundo. E conseguimos ver ali na personagem do Auggie, todas as crianças gordinhas e com óculos, de todos os tempos. Aqueles que foram vítimas de bullying devido à aparência.

A vantagem do Auggie, é que teve uma formação excelente em casa, tanto pessoal como escolar e isso dá-lhe ferramentas para lidar com o que tem de enfrentar. 

 

Basicamente, ele consegue mudar as mentalidades e as vidas do que o rodeiam. E as mensagens. As mensagens das aulas de inglês, são fenomenais. Todos os dias o professor dá uma frase, um pensamento e obriga os miúdos a reflectirem nela. E as frases finais do filme, OMG, são espectaculares. Aquelas que te fazem ficar pregada à cadeira, mesmo depois do filme ter terminado.

"Sê gentil com os outros. Todos os dias as pessoas enfrentam batalhas terríveis de que você não faz ideia"

 

O filme é não é bom. É extraordinário! E foi uma forma fenomenal de acabar o ano, cinematograficamente falando!

8 comentários

Comentar post