Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

happyness is everywhere

O Povo português é essencialmente cosmopolita. Nunca um verdadeiro Português foi português: foi sempre tudo. FP

happyness is everywhere

Balanço de duas semanas sem carro

Passaram 15 dias e é tempo de fazer um balanço. Será que desisti passados uns dias? Será que me mantenho fiel e cada vez mais convencida?

 

A verdade é que já há peripécias. E um balanço extremamente positivo.

Antes de mais, de referir que comprei um cesto! Sim o Je tem um cesto que prende à bicicleta com um daqueles elásticos próprios das bicicletas e que serve para meia dúzia de compras. E é térmico, perfeito para o verão!! E tenho uma campainha, que se revelou ser muito, muito importante para não atropelar algum peão nas zonas onde bicicletas e peões supostamente convivem. Também tenho um capacete de ciclismo claro, que a idade já não permite aventuras...  

 

Nos dias em que não prescindo da feminilidade que um vestido aporta, tenho de ter dupla atenção. No outro dia, vinha com um vestido comprido, e prendi a ponta na corrente. Apercebi-me logo e retirei-a. No mesmo dia, custou-me horrores a chegar a casa. Por mais que pedalasse, aquilo não andava. Mas que coisa, este vento!!! Só quando cheguei a casa e desmontei é que vi que o laço que atava atrás no vestido se tinha desmanchado e tinha ficado onde? Entre a roda e o travão. Ou seja, eu pedalava e o vestido travava ao mesmo tempo.  Arrumei-o de vez que os meus inimigos, gosto de os manter longe! 

 

Esta semana resolvi ir buscar laranjas à EN125, fora da cidade. Mas tinha deixado o cesto em casa. Não faz mal, hei-de arranjar uma solução! Comprei um saco de laranjas, atei-o, prendi com os tais elásticos e voltei a caminho da cidade. Só que pisei uma irregularidade na estrada e... o saco desprendeu-se! Se viram uma senhora a apanhar laranjas do chão na 125, já sabem, era eu!!  

 

E depois, a parte melhor: Andar com tempo, sentir o calor e o vento nos cabelos, ter mais tempo para reparar em certas coisas que de carro nem via! E na consulta da semana passada, apesar de não ter perdido peso (ganhar um quilinho foi resquício do casamento), a minha massa muscular subiu 1.6% e a gordura desceu 2,1%.

E claro, estou a gastar menos gasóleo, já que só o uso o carro quando faço o avio semanal ou ao fim de semana quando saio da cidade!

 

Digam lá se não é uma win-win thing?

 

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.