Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

happyness is everywhere

O Povo português é essencialmente cosmopolita. Nunca um verdadeiro Português foi português: foi sempre tudo. FP

happyness is everywhere

O Povo português é essencialmente cosmopolita. Nunca um verdadeiro Português foi português: foi sempre tudo. FP

O bom exemplo nórdico

Ainda não tive tempo de organizar as minhas fotos para fazer o post da viagem à Suécia, mas vou dar um cheirinho com estas duas fotos e uma forma tão diferente de agir perante um mesmo problema - o plástico.

Num post do início do mês louvava a iniciativa do Pingo Doce de premiar os adeptos da reciclagem. Ora o Grupo Jerónimo Martins, tenda cadeias de supermercado no estrangeiro, deve ter-se apercebido que a evolução se fazia nesse sentido e está a dar os primeiros passos.

 

E na minha recente viagem, constatei isso mesmo. Vejam as imagens. Algumas das garrafas da segunda fotografia são suecas, outras dinamarquesas. Mas é igual na Noruega. E quando viajarem para outros países, prestem atenção e verão que há mais casos por aí fora...

Nossas.jpg

Conseguem perceber a diferença entre ambas as fotografias? Uma dica:  a de cima são garrafas portuguesas, que indicam que devem ser recicladas e depositadas no depósito amarelo sff.

Já as de baixo são nórdicas e transformam-se em dinheiro por troca: 2 pants ou 6 no caso da Coca-cola. 2 pants equivalem a 1 coroa. 

3.png

Estas garrafas incitam pois à reciclagem. E os pais nórdicos aproveitam estas oportunidades para incutir valores nos filhos.

Como explicava o meu amigo Tor, as crianças são incentivadas a recolherem garrafas, e quando têm garrafas suficientes vão à loja e trocam por qualquer coisa.

Dizia o Tor que o seu filho de 4 anos percebeu assim o valor do dinheiro já que para conseguir um gelado no supermercado, tinha de conseguir imensas garrafas (é preciso juntar taaanto para ganhar um/a.... - cerca de 30 pants para um gelado se não estou em erro).

E dizia ainda que foi assim que os seus filhos aprenderam não apenas o valor do dinheiro, mas também valores ecológicos.

 

Não é uma óptima forma de educar crianças?

6 comentários

Comentar post