Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

happyness is everywhere

O Povo português é essencialmente cosmopolita. Nunca um verdadeiro Português foi português: foi sempre tudo. FP

happyness is everywhere

Se fosse possível o que mudarias na tua vida?

Estava há dias a pensar com os meus botões acerca da minha vida.

Mudaria alguma coisa se pudesse?

 

Estou a viver na região que gosto. Sofri durante algum tempo da ressaca de viver em Lisboa. Mas ressaca é isso mesmo, não é? Já passou. 

Habituei-me à tranquilidade e ao bom tempo do Algarve. Adoptei esta terra. Simbiosei-me e assumi estes costumes. Este arrastar na pronúncia, este viver mais devagar. Tenho tempo para mim e para as minhas actividades, mesmo trabalhando 7 horas por dia.

 

Vivo sozinha. Agora com o filhote, pontualmente. 

Gosto do meu espaço, do meu tempo. Não quero mudar. 

Gosto quando o filhote está cá, e gosto quando se vai. 

Não sinto falta nenhuma de viver com um homem. Aliás, duvido que conseguisse voltar a co-habitar com outra pessoa. Teria de ser uma pessoa que aceite esta minha necessidade de ter o meu tempo. Que aceite ter uma casa dele, em conjunto com uma casa minha.

 

Tenho um trabalho que gosto. Que me cansa às vezes, mas que eu pontilho de viagens e pequenas ausências e por isso, me sabe tão bem. 

Tenho uma actividade extra-laboral que me faz viajar, conhecer mundo e pessoas. Que me faz testar os limites quando sou eu que assumo o projecto. Que me pressiona q.b., e me faz soltar alguma adrenalina.

Ao mesmo tempo, que me traz tanta boa disposição!

 

Por isso, nesta fase da minha vida, não, não mudaria nada!  E eu sei o privilégio que é poder dizer isso  

9 comentários

Comentar post